segunda-feira, 28 de abril de 2014

XIV DESPERTAR JOVEM

Quando perguntamos aos jovens o que acharam do XIV Despertar Jovem, logo vemos o sorriso aparecer no rosto e palavras de grande satisfação saírem de suas bocas. Realmente foi um evento bastante aguardado, realizado nos dias 26 e 27 de abril, pela Pastoral da Juventude da Paróquia de Sant'Ana e São Joaquim, que contou com a participação de 158 jovens do Centro e das Comunidades de São José de Mipibu. Este ano o Encontro teve como tema: A importância da palavra de Deus para a vida e missão. Toda a Igreja se mobilizou para tornar este Despertar inesquecível. Houve a colaboração dos jovens de outros grupos, movimentos e pastorais, como também o envolvimento dos casais católicos da paróquia, alguns deles abriram as porta de suas casas para que os jovens que moram em locais distantes pudessem pernoitar durante o encontro. A programação do final de semana, pensada com todo carinho pela Pastoral da Juventude, foi bastante intensa.


O sábado iniciou com o credenciamento seguido de um momento de louvor com Ministério Resgata-me, abertura feita por Marcelo e apresentação do Grupo Passus, dinâmica de entrosamento e palestra sobre o tema do encontro com o seminarista Hugo. A tarde começou bastante animada, o espírito jovem inundou o Instituto Pio XII, a presença de Deus foi constante. Houve um momento de reflexão com Jarbas e Emília e para fechar, Adoração ao Santíssimo com Padre Lenilson. À noite, uma belíssima festa com o tema "Anos 60" serviu de confraternização entre os encontristas e foi comandada pelo Domus Dei.


O domingo começou com louvor e apresentação do grupo de jovens NICP, do Quebra Fuzil, seguido da palestra "É para a liberdade que Cristo nos libertou" com Jairo Junior. As oficinas, que já acompanham o evento, ganharam reforços este ano, e dividiram-se em temas que dialogam diretamente com a realidade do jovem: 'Dança' com Emília, 'Música' com Aldo, 'Jovem e Missão' com Emanoel (Filho de Santana), 'Redes sociais' com Leandra e Pedro, e 'Jovem Eucarístico' com Thiago (Filho de Santana). Tudo isso foi seguido de uma dinâmica com Marcelo.


Ainda no domingo à tarde houve a plenária com a partilha do conhecimento e experiências adquiridas. Logo após uma conversa do Padre Matias com os participantes, que fez questão de enfatizar a importância do protagonismo do jovem nas ações evangelizadoras da Paróquia, afim de levar aos seus amigos a forma de viver do verdadeiro cristão. Como não poderia deixar de ser, a culminância do Despertar foi a Celebração da Santa Missa à partir das 16h, um momento muito bonito onde todos renderam graças a Deus pelo encontro pessoal com Jesus Cristo que tiveram a oportunidade de participar.


A Paróquia como um todo agradece aos que colaboraram com a realização do XIV Despertar Jovem e parabeniza em especial a Pastoral da Juventude pela iniciativa. Foi uma forma de vivenciar o tema proposto pelo encontro, levar a palavra de Deus a outros jovens nesta missão que nos foi dada de pregar o Evangelho a toda criatura. Aos que não estiveram presente, podem sentir um pouco do clima do encontro pelas fotos no link abaixo, e aproveitar para no próximo ano também participar conosco! A paz de Cristo a todos!

sábado, 26 de abril de 2014

Pós Encontro do ECC - 26/04


Na noite deste Sábado, dia 26, ocorreu mais um pós encontro do ECC, na Igreja Matriz.


O encontro contou com a participação de vários casais.


Participação de Ceniro e Tatiana, da Pastoral da Catequese.


Também Patrícia e Ramalho, Pastoral Familiar.


domingo, 20 de abril de 2014

SEMANA SANTA - DOMINGO DE PÁSCOA

A Missa da Páscoa, às 19h, foi a única realizada no dia de hoje na Igreja Matriz. A Celebração foi sem dúvida muito bonita, pois a alegria é a marca da Ressurreição de Cristo no meio de nós. Entoamos com este fim o Salmo 117 "Este é o dia que o Senhor fez para nós: alegremo-nos e nele exultemos!".


O Domingo de Páscoa é o ápice do ano litúrgico, neste dia celebramos a Ressurreição do Senhor. A liturgia deste dia convida o fiel a firmar uma vida nova a partir da ressurreição de Cristo. Assim como o Filho de Deus morreu para o mundo, o católico é chamado a tomar a decisão de viver em Deus. Páscoa é a festa da Vida, é vida que vence a morte.


Além do mais, esta noite também tivemos alguns momentos importantes. A visita do Diácono Eugênio, a Renovação da Aliança de Amor do Ano Missionário pelos que fazem parte do Movimento da Mãe Peregrina, uma belíssima apresentação de dança com o Grupo Passus em homenagem à Páscoa do Senhor (vídeo em nossa Página do Facebook).


Ao final da Missa, nós da Pastoral da Comunicação, realizamos o sorteio de duas cestas recheadas de chocolate. A rifa teve como objetivo arrecadar fundos para o pagamento de um computador adquirido para melhorar o nosso trabalho de divulgação. As sortudas foram Maria Auxiliadora (Dôra) e Luzinete. Agradecemos a todos que nos ajudaram.


Fonte:
http://tv.cancaonova.com/principais-momentos-da-semana-santa-com-papa-francisco/

MAIS FOTOS NO LINK ABAIXO:

1ª CELEBRAÇÃO DA SANTA MISSA NO BRISA

O Domingo de Páscoa em nossa paróquia iniciou de modo muito especial com a primeira celebração da Santa Missa no bairro Brisa. A partir de um gesto concreto da Novena Natalina, fizemos uma visita à comunidade e percebemos a necessidade de aproximar a Igreja Católica daqueles que às vezes, devido a distância, não participam das celebrações.


A partir deste gesto, uma vez a cada 15 dias está sendo realizada a Celebração da Palavra na comunidade. Com o apoio dos casais de nossa paróquia que levam as cadeiras e o som, enquanto que o local é sempre a casa de um dos moradores que acolhem a celebração.


Sendo hoje um dia de Festa, aproveitamos para comemorar a Ressurreição de Cristo, levando um pouco de alegria às crianças. Ao final, bolo e lancheiras foram distribuídos e o clima de confraternização foi bastante animado. Aproveitamos ainda para agradecer a Padre Lenilson pela disponibilidade e carinho com o qual realizou a celebração.


Temos consciência de que enquanto cristãos, a participação na Santa Missa é essencial, bem como a vivência dos Sacramentos da Igreja. Para isso, surge a necessidade de implementar a catequese no bairro Brisa, bem como realizar o batismo dos que ainda não foram batizados. Deus esteja conosco, ajudando a evangelizar e levar sua mensagem de amor a toda parte. Feliz Páscoa a todos!


MAIS FOTOS NO LINK ABAIXO:

SEMANA SANTA | VIGÍLIA PASCAL

Neste sábado celebramos a tão esperada Vigília Pascal. A alteração no horário da celebração para as 19h permitiu que o número de fiéis fosse significativamente maior que nos anos anteriores, o que fez o momento se tornar ainda mais bonito e emocionante. A liturgia iniciou com as luzes da Igreja apagadas e com a preparação do círio, que é a luz da Páscoa, ou seja, Cristo, a luz do mundo. Todos os paroquianos já estavam portando suas velas e com elas iluminaram toda a Igreja Matriz.


A Vigília Pascal é uma das liturgias mais ricas em conteúdo e simbolismo que a Igreja celebra. O núcleo de todo o ano litúrgico, de que nasce qualquer outra celebração, é a Vigília Pascal, que culmina na oferta do sacrifício de Jesus Cristo no altar da Cruz. Segundo antiga tradição da Igreja, esta é uma noite de vigília em honra do Senhor (cf. Ex 12, 42). Os fiéis, como recomenda o Evangelho (cf. Lc 12, 35ss), devem esperar como os servos, com as lamparinas acesas, o retorno do Senhor, para quando Ele chegar os encontre em vigília e os convide a sentar-se à mesa. 


Após a solene vigília do Sábado, foi celebrada a Missa onde percebemos que o “Aleluia” foi cantado também de forma muito solene, pois não se entoava desde o início da Quaresma. Depois, todos renovaram os seus votos batismais e receberam a aspersão da água. É a forma que temos de aguardar a Ressurreição do Senhor enquanto relembramos os sacramentos da Iniciação Cristã.


Em seguida a Liturgia Eucarística seguiu como de costume, marcando assim a primeira Missa do Dia da Páscoa. Ao ser proclamada a Ressurreição de Nosso Senhor Jesus Cristo, com muita alegria o povo de Deus seguiu em procissão carregando as imagens de Cristo e Maria, sua mãe. Os jovens entoavam cantos de alegria, e todos confraternizavam entre si, pois a Igreja está em festa! Jesus Cristo vive e reina para sempre! Feliz Páscoa para todos! A Paz de Cristo!


Fonte:
http://wiki.cancaonova.com/index.php/S%C3%A1bado_Santo

sábado, 19 de abril de 2014

SEMANA SANTA | CELEBRAÇÃO DA PAIXÃO DO SENHOR

Nesta Sexta-feira Santa, as atividades na Matriz começaram bem cedo, a partir das 6h da manhã com a Adoração ao Santíssimo que perdurou até as 15h. Também pela manhã houve confissões individuais e somente às 15h30 iniciou a Celebração da Paixão de Cristo. Milhares de fiéis se fizeram presente tornando esta tarde de Sexta-feira Santa uma belíssima demonstração de fé do povo mipibuense. Ontem se apresentou o drama imenso da morte de Cristo no Calvário. A cruz erguida sobre o mundo segue de pé como sinal de salvação e de esperança. Com a Paixão de Jesus segundo o Evangelho de João contemplamos o mistério do Crucificado.



Na sexta-feira não se celebra a missa em todo o mundo, é momento propício para recordamos a morte de Jesus. Os ministros se prostram no chão frente ao altar no começo da cerimônia. São a imagem da humanidade rebaixada e oprimida, e ao mesmo tempo penitente que implora perdão por seus pecados. Vão vestidos de vermelho, a cor dos mártires: de Jesus, o primeiro testemunho do amor do Pai e de todos aqueles que, como ele, deram e continuam dando sua vida para proclamar a libertação que Deus nos oferece. 


Durante a liturgia, também há o momento dedicado a adoração da cruz, um ato simbólico muito expressivo e próprio deste dia. A veneração da Santa Cruz acontece quando ela é apresentada solenemente à comunidade.


Após a Celebração a multidão seguiu em uma belíssima Procissão até as proximidades do Hospital Monsenhor Antônio Barros, e voltaram à Matriz. Percorrendo assim, todo o centro da cidade, em sinal de amor, respeito e devoção ao sacrifício de Jesus Cristo. Lembramos a todos ainda, que a programação da Semana Santa continua, hoje  teremos a Vigília Pascal a partir das 19h na Igreja Matriz.



Fonte:
http://www.cancaonova.com/portal/canais/formacao/internas.php?e=9091#.U1HKqKJWhAJ

MAIS FOTOS NO LINK ABAIXO:

quinta-feira, 17 de abril de 2014

SEMANA SANTA | MISSA DO LAVA-PÉS

Nesta Quinta-feira Santa, o povo de Deus reunido celebrou, a partir das 17h, a Missa de Instituição da Eucaristia ou, também conhecida como a Missa do Lava-Pés. A Igreja Matriz estava lotada de fiéis comprometidos em vivenciar a programação preparada pela Paróquia com bastante antecedência, que remonta uma tradição de muitos anos.


Após a Missa, todos foram convidados a participarem da Adoração ao Santíssimo, num ritual de silêncio, onde se revesarão os grupos, movimentos e pastorais para manter a igreja aberta para os que quiserem ter este momento de oração e intimidade com Jesus Cristo.


A oferta de Jesus na cruz foi sacramentalmente antecipada na última Ceia pelas palavras do Divino Mestre sobre o pão e sobre o vinho: "Isto é o meu corpo entregue. Este é o cálice do meu sangue, o sangue da Nova e Eterna Aliança, derramado...". Jesus, com efeito, ordenou aos apóstolos que, repetindo o seu gesto, celebrassem sacramentalmente o Seu sacrifício ao longo da história da Igreja.


Com a missa vespertina da Ceia do Senhor, iniciamos o Tríduo Sagrado que nos introduz na dinâmica do mistério pascal de Cristo: a passagem da morte para a vida gloriosa do Ressuscitado. O gesto de Jesus de lavar os pés dos discípulos durante a Última Ceia narrado por São João, define toda a vida de Jesus: doação de toda a sua existência para a libertação do homem do pecado e do mal. A cena do lava-pés não pode reduzir-se a uma representação sentimental do gesto de Jesus, mas deve expressar o nosso propósito de traduzi-lo em atos de amor e de serviço aos nossos irmãos na nossa vida cotidiana.


Fonte:
http://www.cancaonova.com/portal/canais/formacao/internas.php?e=11809#.U1BoCqJWhAJ
http://diocesedeguarulhos.org.br/site/index.php/missa-do-lava-pes-e-a-ceia-do-senhor/

MAIS FOTOS NO LINK ABAIXO:

quarta-feira, 16 de abril de 2014

SEMANA SANTA | PROCISSÃO DAS CRUZES

Nesta quarta-feira santa, que antecede o Tríduo Pascal, a Paróquia de Sant'Ana e São Joaquim teve em sua programação: Atendimento Paroquial e Confissões Individuais das 9h às 11h; Confissões e visita aos enfermos dos Setores III e IV, das 15h às 17h. Por fim, culminou com a Procissão das Cruzes saindo da Subestação às 18h, seguida de Missa e confissões na Matriz.


Esta Procissão levou muitos fiéis às ruas, a fim de relembrar o sacrifício vivido por nosso Senhor Jesus Cristo, a caminho do cauvário. Crianças traziam consigo cartazes com cenas das estações da Via Sacra, são elas:
Jesus é condenado à morte;
Jesus toma a cruz aos ombros;
Jesus cai por terra;
Jesus encontra-se com Sua Mãe;
Cirineu ajuda a carregar a cruz;
Verônica enxuga o rosto de Jesus;
Jesus cai pela segunda vez;
Jesus consola as mulheres piedosas;
Jesus cai pela terceira vez;
Jesus é despido das Suas vestes;
Jesus é pregado na cruz;
Jesus morre na cruz;
O corpo de Jesus é depositado nos braços da Mãe;
Jesus é depositado no sepulcro.


A Semana Santa segue com a participação efetiva dos paroquianos, o povo de Deus afirmando a suas tradições e agradecendo a Cristo pelo sacrifício vivido em prol da salvação de cada um de nós!



MAIS FOTOS NO LINK ABAIXO:

domingo, 13 de abril de 2014

SEMANA SANTA | PROCISSÃO DOMINGO DE RAMOS

Hoje, Domingo de Ramos, a partir das 6h30 da manhã, fiéis se concentravam na Praça da Saudade para dar início a Procissão de Ramos até a Matriz seguida de missa. Esta Procissão simboliza quando o povo simples de Jerusalém acolheu Jesus com festa, reconhecendo nele o Messias esperado.

Depois da procissão de ramos, é proclamada solenemente a paixão do Senhor para que nos deixemos impregnar pelo espírito da Semana Santa e para compreendermos como Jesus alcançou o triunfo mediante o sofrimento e a morte. O Sentido da cor vermelha usada nos paramentos e ornamentos é para expressar o amor. 

Todos nós temos o compromisso de vivenciar todos os momentos da Semana Santa! Vejam a programação na Página do Facebook: Pascom São José de Mipibu.




FONTE:
http://www.cancaonova.com/portal/canais/formacao/internas.php?id=&e=844#.U0s8RKJWhAI

MAIS FOTOS NO LINK ABAIXO:

REUNIÃO DO BATISMO

Todo segundo sábado de cada mês, acontece no Instituto Pio XII, as reuniões de preparação para o Sacramento do Batismo. As fotos abaixo foram da última reunião realizada ontem, dia 12 de abril.

Segundo o Catecismo da Igreja Católica os sacramentos são um encontro pessoal com Cristo, este encontro é, no fundo, o sacramento original, eles são sinais sensíveis e eficazes da graça, instituídos por Cristo e confiados à Igreja, mediante os quais nos é concedida a vida divina. São sete os sacramentos: batismo, confirmação – crisma, Eucaristia, penitência – confissão, unção dos enfermos, ordem e matrimônio.

Sendo considerado um dos sacramentos da iniciação cristã, o Batismo é onde o homem une-se a Cristo, pois ele é uma aliança com Deus, e a condição prévia para receber os outros. Entre os efeitos do batismo se destacam o perdão do pecado original e de todos os pecados pessoais e as penas devidas ao pecado, fazendo o homem participar na vida divina trinitária mediante a graça santificante, confere as virtudes teologais – fé, esperança, caridade e os dons do Espírito Santo. Por fim, aquele que é batizado pertence para sempre a Cristo.

Aqueles que ainda não foram batizados, procurem a Pastoral do Batismo!

FONTE:
http://www.cancaonova.com/portal/canais/formacao/internas.php?e=12666#.U0s3TqJWhAI

PÓS-ENCONTRO DO ECC

O Pós-Encontro do ECC - Encontro de Casais com Cristo - da Paróquia de Sant'Ana e São Joaquim, realizado neste sábado, dia 12, contou com a presença e uma formação dada pelos Padres Matias e Sidney. Foi feita uma orientação aos casais, sobre como bem viver a Semana Santa e sobre a importância de conhecer o Plano Pastoral Paroquial. Bonito ver tantos casais leigos envolvidos na missão de evangelizar, o ECC tem esse papel de trazê-los para as Pastorais. Deus abençoe a todos os casais de nossa comunidade!




ENCONTRO DE COORDENADORES E ANIMADORES

No último sábado, dia 12 de abril, aconteceu o Encontro dos animadores de comunidades e coordenadores de setores missionários. O seminarista Hugo fez a reflexão sobre o significado da Nova Evangelização, logo após Padre Matias apresentou o Plano Pastoral Paroquial, lembrando a importância dele para toda a ação missionária pastoral da paróquia e o Padre Lenilson fez os encaminhamentos para as celebrações da Semana Santa. 

PROCISSÃO DO ENCONTRO

Na última sexta-feira, dia 11 de abril, realizamos em nossa paróquia a Procissão do Encontro, atividade tradicional que antecede a Semana Santa. O Encontro se dá entre a imagem de Nossa Senhora e seu filho Jesus Cristo. Uma das imagens saiu da rua da Delegacia de Polícia Civil, a outra da rua da Escola Municipal Euza de Melo Palhano. Mais um momento de fé e devoção que marcam até hoje a história religiosa do povo mipibuense.


sexta-feira, 11 de abril de 2014

PLANO PASTORAL PAROQUIAL

O nosso Plano Pastoral Paroquial já se encontra na secretaria paroquial. Pedimos que todos os grupos, pastorais, movimentos, coordenadores de Setores Missionários, religiosos(as), novas comunidades, diáconos e demais fiéis, todos devem conhecer bem o Plano e aplicá-lo nos Setores, Instituições ligadas a paróquia e afins. Ele é fruto da nossa Assembleia Paroquial e está em plena sintonia com o nosso Plano Arquidiocesano. Zelemos pela comunhão, missão e pastoral paroquiais. Que Sant'Ana e São Joaquim intercedam por nós!

Pe. Matias Soares

quarta-feira, 9 de abril de 2014

LIBERDADE E SEMANA SANTA

“É para liberdade que Cristo nos libertou” (Gl 5,1). Como sabemos, esta afirmação de Paulo foi escolhida pela CNBB para ser o lema da Campanha da Fraternidade de 2014, que trata sobre o tráfico de pessoas para os mais diversos fins, tais como trabalho forçado ou sub-remunerado, exploração sexual, adoção ilegal e venda de órgãos. Em todas estas situações a dignidade humana é gravemente violada e desfigurada a imagem de Deus, cuja “glória é o homem vivo” (S. Irineu), isto é, o ser humano com todas as possibilidades de viver de modo tranquilo a sua própria vocação.

Todas as facetas da escravidão põem suas raízes na realidade teológico-social chamada “pecado”. De fato, o pecado “é uma falta ao amor verdadeiro para com Deus e para com o próximo, por causa de um apego perverso a certos bens” (Catecismo da Igreja Católica, n. 1849). O apego desordenado ao dinheiro, por exemplo, leva os “humanos” a venderem seus próprios semelhantes para a indústria do sexo, para a exploração de suas energias no trabalho, para a extração de partes de seu corpo. Já o apego extremado à vida pode levar um rico a comprar um órgão de um pobre necessitado. Há ainda o caso de sentir-se no “direito de ter um filho”, quase vendo a criança como um objeto de posse. Pela sua própria condição racional, a pessoa humana pode intuir que a utilização do outro como produto de mercado ou fonte de enriquecimento ilícito são ações por si mesmas intrinsecamente más. Contudo, é a fé que favorece uma luz de esperança para superar os mais variados modos de escravidão. Depois de afirmar que “é para liberdade que Cristo nos libertou”, o Apóstolo acrescenta: “Permanecei firmes, portanto, e não vos deixeis prender de novo ao julgo da escravidão” (Gl 5,1). A liberdade à qual a Palavra de Deus nos convida a permanecer firmes é sem dúvida aquela operada por Cristo, o único capaz de realizar a liberdade redentora do homem todo e de todos os homens: “Se, pois, o Filho vos libertar, sereis, realmente livres” (Jo 8,36).

Toda promoção da liberdade encontra em Jesus Cristo o seu mais autentico fundamento. A Semana Santa apresenta-nos o mistério de Deus que libertou o Povo de Israel da escravidão do Egito (Ex 12 – 15) e, mais ainda, a imolação do Filho de Deus para regatar, definitivamente, os seus irmãos, até então, escravos do pecado, do demônio e da morte. O modo pelo qual o Cristo realiza a nossa redenção é que causa espanto, admiração e, também, comoção: sendo inocente fez-se culpado, tudo podendo permitiu ser humilhado, deu-nos a Vida morrendo e, quando ressuscitou, restituiu a liberdade para toda a criação. Um antigo hino pascal manifesta perfeitamente a prodigiosa ação do Libertador: “Cesse o pranto, cesse o luto: Jesus já não morre mais. Salvou o mundo corrupto e tornou-nos imortais”. A salvação operada por Cristo é, sem dúvida, a maior libertação do homem e do mundo. Pena que, por vezes, “assistimos” os atos destes dias a distancia, mesmo estando, fisicamente, próximos. Quantos prantos ainda ecoam no mundo? Quanto luto e quanta dor! Pessoas humilhadas no trabalho e por trabalho, doentes morrendo nos corredores dos hospitais, crianças chorando pelos cantos das casas e das ruas, mães desesperadas pelos jovens que não chegam mais vivos, mulheres e homens tratados como “coisa” que se compra para o “prazer abusador”. Mais uma Semana Santa, mais um grito do alto da Cruz: “Meu Deus, meu Deus, por que me abandonaste?” A resposta de Deus foi inesperada por nós: o silencio e, depois – quando tudo parecia perdido – a Ressurreição. Deus fez tudo que lhe competia! No Ressuscitado, Ele deu as condições de vida e liberdade para a sua Imagem que abita nesta terra. Agora resta a nossa parte: “Onde está teu irmão?” (Gn 4, 9), onde teu irmão chora escravizado? Nossa resposta é a mesma de Caim: “Acaso sou guarda do meu irmão?” (idem). Podemos, pelo contrário, viver a Semana Santa com a atitude do Cristo que “tendo amado os seus que estavam no mundo, amo-os até o fim” – até o extremo (Jo 13, 1). Deus tenha piedade de nós!"

Por Pe. José Lenilson de Morais, nosso Vigário Paroquial.

segunda-feira, 7 de abril de 2014

VOCACIONAL COMUNIDADE MAGNIFICAT

Com o tema VOCAÇÃO: “Agora é o tempo favorável, agora é o dia da salvação”; a Comunidade Magnificat, presente na paróquia Sant’Ana e São Joaquim, abre suas inscrições para o ENCONTRO VOCACIONAL 2014. Se você busca discernir o que Nosso Senhor Jesus Cristo espera pra sua vida, venha participar conosco no dia 04/05 na Granja Santa Clara em São José de Mipibú/RN deste momento de espiritualidade mariana e ajudar a estender o Reino de Jesus por meio da Virgem Maria. INFORMAÇÕES E INSCRIÇÕES: Tels.: (84) 9673-9471(TIM)/ 9108-2366(CLARO)>>> As inscrições serão recebidas somente até o dia 30 de Abril e podem ser feitas pelos números de telefone citados ou pessoalmente na comunidade.


4 ANOS DE COMUNIDADE BOA NOVA

Graças sejam dadas pelo aniversário de 4 anos da Casa de Missão da Comunidade Boa Nova na cidade de São José de Mipibu. Integram a Comunidade Missionários de vida e aliança, que inspirados pelo poder de Deus Pai, deram seu sim para lutar pela vida daqueles que se recuperam do vício das drogas e para evangelizar a todos. Neste último dia 6, tiveram um dia de louvor e pregação para celebrar o seu aniversário.
Que Jesus abençoe ao novo casal coordenador da Casa, Antonio e Daniele, bem como o fundador da Comunidade Hamilton Apolônio, sua esposa Mônica, e todos aqueles missionários que já passaram por esta terra e ajudaram a muitos.





Fotos do Facebook de Daniele Dias.